Instituto Siegen design by
IntersisT
Instituto de Pesquisas Acadêmicas Siegen
Instituto Siegen
 
 
Infinite Menus, Copyright 2006, OpenCube Inc. All Rights Reserved.
 
 

RECURSOS, CAPACIDADES E COMPETÊNCIAS: UMA ANÁLISE MULTI CASO NA INDUSTRIA BÉLICA BRASILEIRA

O setor bélico é um dos mais importantes para a economia. Para a pesquisa foi desenvolvida uma abordagem qualitativa através de estudos de caso em três empresas do setor (ENGESA, AVIBRÁS e EMBRAER). Conceitualmente é dada prioridade a autores como Wernerfelt(1984), Prahalad e Hamel(1990), Stalk, Evans e Shulman(1992) e Collis e Montgomery(1995) com enfoque estratégico baseado em recursos, capacidades e competências. Faz uma análise entre esses conceitos para explicar a sustentabilidade de empresas do setor bélico face ao desenvolvimento ou não de competências essenciais. O artigo destaca que aquelas empresas que desenvolveram suficientes capacidades e competências estratégicas tornaram-se mais competitivas globalmente, indiferentes a problemas conjunturais, enquanto aquelas que não as desenvolveram completamente acabaram tendo quedas acentuadas ou determinando sua saída do setor bélico, para outros de menor valor agregado ou de menor competitividade. Dada a limitação da pesquisa que expurga outros fornecedores de equipamentos e material bélico, recomenda-se para estudos futuros a ampliação da base pesquisada, como forma de corroborar nos estudos de competitividade e criação de bases de crescimento sustentável para a indústria bélica nacional independente de orçamentos nacionais.

Recursos; Capacidades; Competências; Industria Bélica

Arquivo:recurs_capac_compet_ind_belica_brasil.pdf

Autor: ESTENDER, Antonio Carlos

Data: 2008-08-25

 
 

www.institutosiegen.com.br
"O conhecimento é em si mesmo um poder."
Francis Bacon